Bolsonaro divulga inauguração de unidade de distribuição da agricultura familiar de Santiago

Data: 09/10/2019

Por meio de seu Twitter, o presidente Jair Bolsonaro divulgou o município de Santiago, ao abordar sobre a inauguração da Unidade de Distribuição da Agricultura Familiar, que deve movimentar cerca de 22 toneladas de alimentos durante os 10 meses de convênio com o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). A postagem do presidente teve mais de 17 mil curtidas.

Na última sexta, o ministro da Cidadania, Osmar Terra, esteve no município e fez a entrega oficial de um caminhão-baú refrigerado que vai servir para o transporte de alimentos da agricultura familiar. O veículo foi adquirido por meio de um convênio do Ministério da Cidadania viabilizado por uma emenda parlamentar no valor de R$ 180 mil. A contrapartida do munici?pio foi de R$ 20,8 mil.

Ao todo, 24 produtores da agricultura familiar estão cadastrados na unidade, sendo 80% mulheres. Entre elas, está Eliane Doraide Gaviola, presidente da Cooperativa Santiaguense da Agricultura Familiar. Segundo a produtora, a entrega do caminhão-baú é um estímulo para os trabalhadores continuarem no campo. "É um auxílio para os produtores se manterem no interior, porque hoje existe um grande êxodo rural”, afirmou. Eliane também agradeceu ao Ministério da Cidadania pelo PAA, que, conforme relata, garante renda às famílias. “Estão comprando os nossos produtos, isso é um incentivo imenso. As famílias estão superfelizes com o programa”.

O produtor e feirante Mauro Batista também comentou sobre os impactos do PAA na rotina dos trabalhadores rurais de Santiago. “A agricultura familiar é praticamente o sustento das famílias. Trabalhamos aqui com soja, milho, gado. Com tudo o que podemos. O PAA possibilita isso, está funcionando perfeitamente”, elogiou.

Avanços

No ato de entrega do caminhão, o ministro Osmar Terra afirmou que trabalhará para trazer mais avanços à agricultura familiar da região. “É um assunto que nós vamos dar continuidade. Vamos trazer mais recursos nessa área, do PAA. Esse é um dos principais programas de apoio às famílias que vivem da terra. Nosso esforço será para ampliar o programa e as condições para que os pequenos agricultores tenham garantia de comercialização dos seus produtos com um preço justo”, afirmou Terra.

O PAA integra as ações do governo federal para fortalecer a agricultura familiar, reconhecendo seu importante papel na oferta de alimentos frescos e saudáveis para a população e na promoção da segurança alimentar e nutricional. Os itens cultivados pelos produtores rurais são utilizados pelas prefeituras em escolas públicas, abrigos e restaurantes populares, entre outras instituições.

Norma do governo federal determina que ao menos 30% dos artigos obtidos para alimentação nas instituições públicas federais devem vir da agricultura familiar. Cooperativas ou associações podem vender até R$ 6 milhões por ano por órgão comprador. Os detalhes dos editais estão disponíveis na internet pelo portal comprasagriculturafamiliar.gov.br. E por meio da ferramenta, também é possível acessar e acompanhar os editais em andamento em todo o País.

Apoio

Ainda em Santiago, Terra apresentou a prefeitos e lideranc?as do Vale do Jaguari as principais políticas públicas do Ministério da Cidadania nas áreas de cultura, esporte e desenvolvimento social. Nove municípios integram o Vale do Jaguari: Cacequi, Capão do Cipó, Jaguari, Mata, Nova Esperança do Sul, Santiago, São Francisco de Assis, São Vicente do Sul e Unistalda.

A palestra para as lideranças foi realizada no Grupo Hospitalar de Santiago, onde mais tarde também foi inaugurado um centro de oncologia. “Vamos trabalhar para trazer mais recursos à região e poder também fazer o tratamento contra o câncer por radioterapia”, destacou Osmar Terra em discurso na solenidade de inauguração.

Com informações da Assessoria de Comunicação do Ministério da Cidadania

Gallery_big_2d30233a0ba868510d76dfa0aec43da8
Ministro da Cidadania, Osmar Terra, fez a entrega oficial de um caminhão-baú que vai servir ao Programa de Aquisição de Alimentos, cuja unidade está funcionando no município e foi referenciada pelo presidente Bolsonaro.