Conselheiros Tutelares viram personagens infantis para abordar o Maio Laranja

Conselheiros Tutelares viram personagens infantis para abordar o Maio Laranja

Uma das maiores lutas que toda a sociedade tem é garantir a segurança das crianças e adolescentes, de forma a protegê-los da exploração sexual. E é esse o objetivo da campanha Maio Laranja, que neste mês aborda com ênfase essa discussão. Na segunda-feira, aconteceu uma grande caminhada no centro de Santiago envolvendo escolas e instituições, que foi organizada pelo Conselho Tutelar e pela Secretaria de Desenvolvimento Social.

Mas não parou por aí. Os conselheiros tutelares estão fazendo interações nos Cras para conversar com o público-alvo. Para gerar uma aproximação ainda maior, os conselheiros Gerusa Perônio, Marisa Minuzzi, Débora Oliveira, Helena Gonçalves e Vladmir Catellan usam adereços e roupas de personagens infantis, como a boneca Emília, o Chaves e outros, se utilizando de uma peça teatral para abordar o tema "Nosso corpo precisa ser protegido". Após esse momento, as crianças interagem com a sinaleira do toque, uma dinâmica que os faz compreender que ninguém pode tocar seu corpo indevidamente.


Texto: Márcio Brasil/Fotos: Conselho Tutelar